Chafarizes

O melhor da arquitectura da água

Chafarizes Caldas da Rainha GoCaldas

Entrada Gratuita

Caldas da Rainha

Nas Caldas da Rainha poderás encontrar um conjunto de três Chafarizes, inseridos na reforma da rede de abastecimento de água promovida pelo Rei D. João V, ele próprio um utilizador das águas caldense.

Foi de resto em sequência dessa passagem de D. João V por Caldas da Rainha, em meados do século XVIII, que, para além da edificação dos três chafarizes, foi realizada também a reforma do Hospital Termal e fez ainda parte a construção de um Aqueduto para abastecimento de água, do qual poucos vestígios restam, situado na zona sul da Mata Rainha Dona Leonor.

Os chafarizes, que fazem jus à importância que a água assumiu enquanto elemento do período barroco, encontram-se em três locais distintos, portanto, para os conhecer tens mesmo que dar um passeio pela cidade, o que recomendamos.

O Chafariz das Cinco Bicas localiza-se perto do Aqueduto e da Mata Rainha D. Leonor, sendo o mais célebre dos três chafarizes e uma das mais emblemáticas atracções de Caldas da Rainha.

Já o Chafariz da Rua Nova fica no Largo D. Manuel I, bem ao lado do Hospital Termal e dos Pavilhões do Parque.

Por sua vez o Chafariz da estrada da Foz do Arelho, localiza-se no início da Rua de Vitorino Fróis, bem perto da “Rainha” (Largo Conde de Fontalva), rotunda assim conhecida por lá se encontrar a estátua de Dona Leonor.

Encontram-se desde 1982 classificados como Imóveis de Interesse Público o que sustenta a sua importância, em conjunto os três chafarizes perfazem um total de sete bicas, numa alusão mitológica às sete filhas de Atlas e da oceânide Plêione (as oceânides eram divindades femininas personificadas por fontes, riachos, cursos de água, que descendiam de Oceano).

São assim as águas das Caldas da Rainha, míticas! Só tens de escolher por onde começar e desfrutar!